BEM-VINDOS

Olá a todos.
Somos um grupo de amigos que tem em comum o gosto pela prática de actividades ao ar livre em contacto com a Natureza (Caminhada, BTT, TT, geocaching, etc...). Fruto deste interesse e prazer, decidimos criar este blog para registar e partilhar as emoções que vamos vivendo nas nossas aventuras. Esperamos também, que estas experiências sirvam de incentivo para que todos desfrutem das maravilhas da Natureza.
Venham connosco nesta aventura...



quarta-feira, 30 de Abril de 2008

SERRA DA LOUSÃ


Aproveitamos o fim-de-semana de 25 a 27 de Abril de 2008 para conhecer a linda Serra da Lousã.
Esta localiza-se no Extremo Sudoeste da Cordilheira Central e abrange os concelhos de Lousã, Castanheira de Pêra, Góis, Miranda do Corvo e Figueiró dos Vinhos. O Alto do Trevim é o ponto mais alto e está situado a 1202 metros de altitude.
Os vários percursos existentes podem ser realizados a pé ou de jipe. Como somos pedestrianistas por natureza e não possuímos jipe decidimo-nos pela primeira opção.
As aldeias, construídas em xisto, são uma mais-valia desta zona. A maioria está bem conservada e vale a pena a visita. Mantêm a ruralidade e fazem-nos voltar atrás no tempo.

“As aldeias de xisto, a serra, os caminhos íngremes e estreitos compunham a paisagem das gentes serranas. Por estes velhos caminhos se uniam aldeias dispersas nas vertentes da serra, se chegava aos socalcos cultivados, aos soutos, ou aos moinhos escondidos nos meandros das ribeiras. Por eles se descia à vila para negociar o carvão produzido na serra.”

In Quercus, 1996

Os caminheiros têm sido uma mais-valia para esta zona, pois contribuem para a manutenção dos percursos que na sua maioria deixaram de ser utilizados pelas populações vizinhas como meio de comunicação.
São sete as Aldeias da Serra da Lousã. Casal Nova, Talasnal, Chiqueiro, Vaqueirinho, Catarredor, Candal e Cerdeira.
Têm diferentes dimensões e umas encontram-se em melhor estado de conservação do que outras mas todas elas são merecedoras de visita.
Os percursos variam entre fácil e médio grau de dificuldade com desníveis suaves no primeiro caso e acentuados no segundo, ao longo de caminhos florestais.
Situado a poucos quilómetros do centro, encontra-se o Castelo da Lousã. Possui uma vista extraordinária e fascinante.
Descendo a encosta encontramos uma bela piscina natural de água cristalina, e um pouco mais acima o Santuário da Senhora da Piedade.
Partindo desse local podemos realizar um percurso, de dificuldade fácil, mas de grande beleza e usufruto da natureza, terminado junto do Castelo.
A Lousã é uma cidade pequena mas bastante acolhedora. Possui alguns bares agradáveis, cinema e um jardim adorável. Vale a pena a visita .















Sem comentários:

Enviar um comentário